Coringa - Brian Azzarello


Mas Ju, mais HQ por aqui? Sim, e se reclamar, vai ter o dobro! HQ é literatura e uma literatura linda, por sinal! Antes de mais nada, queria lembrar vocês do canal do Zona! Tá rolando vídeo toda segunda e quinta, então clica aqui pra deixar aberto e você assistir depois de ler a resenha.
Bom, como alguns já devem ter percebido, ou pelo menos os que acompanham o blog já podem ter percebido, eu sou fã do universo Batman, e consequentemente do vilões que lá existem, incluindo o Coringa.
Essa HQ eu tava procurando há bastante tempo e finalmente a Panini relançou (ou lançou?) junto com Piada Mortal, que eu já fiz resenha aqui

"Não sei os detalhes, como o motivo...
Mas o fato é que ele...
... o Coringa
Estava sendo liberado do Asilo Arkham."

A primeira publicação dessa HQ foi em 2008 e conta com a arte Lee Bermejo, que trouxe um toque todo especial à história.

Personagens:



Indo pela obviedade da HQ, ela nos traz o Coringa, o vilão de Gotham, mais insano e ao mesmo tempo mais consciente, tentando reaver tudo o que "pertence" à ele. Além do nosso querido amigo, nós temos Jonny Frost, que é quem nos conta a história contida na HQ. Jonny é um capanga que sonha em ser reconhecido no mundo do crime, ter poder nesse meio, mas ele acaba com um poder muito grande em suas mãos.

Nota:


Ambientação:



Como já se é de esperar, a história toda se passa em Gotham City, berço do Coringa. Ali ele conhece todos os becos, todos os esconderijos, onde cada um mantém seu patrimônio. O clima noir parece estar ainda mais sombrio nas ilustrações de Bermejo.

Nota:


Enredo:



Essa HQ se passa a partir do dia que o Coringa é liberado do Asilo Arkham. Sim, ele é liberado por mostrar sanidade. Após ser liberado, ele vai em busca de reaver o domínio de Gotham, que está totalmente dividida entre as facções que ali existem. Como nós sabemos que nosso palhaço nunca se tornaria são, ele acaba por matar incontáveis pessoas que supostamente estavam se negando a colaborar com ele, até o Duas Caras pedir reforços para dar um fim na "balbúrdia" que ele estaria causando na cidade. E o reforço é claro, é o Batman.

Nota:


Minha opinião:



Não tenho como falar muito dessa HQ a não ser recomendá-la pra que vocês possam tirar suas próprias conclusões. Brian nos traz um Coringa mais racional em relação à certas histórias que vemos por aí, o que, acho eu, me fez gostar mais da história. De uma certa forma ele tá mais humano, afinal, nós vemos uma cena rara na HQ: nosso palhaço chorando. Pois é, isso reflete a humanidade um pouco mais aflorada nele. Outra coisa que amei nessa edição foi a arte. Cada quadro mais lindo que o outro, sendo que alguns quadros específicos tem um traço levemente diferente. E o final? Não podia ter sido melhor, deixando a gente com a mesma pulga atrás da orelha que a ficamos em A Piada Mortal. 
Um ponto interessante da HQ é o enredo narrado por Jonny, que vai fazendo observações em relação à personalidade do Coringa. Não só da personalidade, como também dos atos dele, acompanhando ele atrás de cada "personalidade" de Gotham.

Nota Final:




Então é isso, conspiradores. Espero que tenham gostado de conhecer mais uma HQ aqui no Zona. Se você já leu ou quer indicar alguma, deixa aí nos comentários!

Me encontre nas redes sociais
Compartilhar no Google Plus

Juliara Vasconcelos

Geek por hábito, nerd porque me chamam. Gosta de jogar, mas é noob, adora assistir filmes mas odeia filmes de dramalhão e tem medo dos de terror. Lê fantasia, ficção científica e terror, que é sua maior divergência. Não tem nenhuma saga preferida, porque ainda não leu Senhor do Anéis. (Isso mudará em breve)

    Comentários

4 pessoas já comentaram:

  1. Maaaano, quero muito. As artes das HQs do Coringa são um negócio à parte, Asilo Arkham por enquanto é minha favorita nesse quesito, consegue botar medo mesmo!
    E nossa, se eu já não estivesse afim de ler só por ser sobre o Coringa, você falar que ele aparece racional e chorando me fisgou completamente - do tipo segunda-feira tô nas livrarias atrás desse negócio.

    Sentimentaligrafia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, essa do Asilo Arkham é praticamente meu sonho de consumo. Infelizmente ainda não consegui comprar.
      Você não vai se arrepender de ter essa HQ!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Eu também adoroo HQs, mas acredita que nunca li nada do universo do batman? :/ Meu namorado tem algumas e eu estou para ler já tem um tempo, mas acabo sempre esquecendo ou passando outra HQ ou livro na frente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, não faça isso! Leia pelo menos umazinha do universo do Batman. São muito boas!
      Obrigada pela visita!

      Excluir

Obrigada por ler e comentar!
Se comentar em anônimo, deixe seu nome!
Comentários ao estilo spam não serão aceitos, então só comente se realmente leu o post! Obrigada pela compreensão ♥