On the road - Jack Kerouac


Juliara na área com mais uma resenha que nasceu da Maratona de Julho. 
Bem, eu estava pra ler esse livro há anos, sim, e to pra falar que, no mínimo 5 anos. Pois é. Essa minha edição pertenceu à um falecido tio meu e estava na casa da minha avó, até eu resolver que ele iria ser meu. A minha edição é a de 1986, mas sem mais delongas, vamos à resenha:

On the road, escrito por Jack Kerouac é um livro meio diferente do que eu já li. Jack tinha uma maneira diferente de escrever. Nesse livro, principalmente, a proposta dele foi escrever sem pensar muito, nos dando uma narrativa direta e corrida.

O livro nos conta a história de Sal, um jovem escritor que se aventura nas estradas dos Estados Unidos com seu melhor amigo Dean e outros que vão se juntando à eles a cada estado que passam. Sal é de Nova York e logo na sua primeira aventura, nas férias da faculdade, ele se aventura em caronas para chegar à Denver, onde ficou de encontrar com Dean. Tudo isso se passa na década de 1940, enquanto Sal tenta terminar seu livro.




Bem, On the road é basicamente a história de Kerouac. Ele resolveu escrever suas aventuras, apenas trocando nomes, contando tudo o que passou, todos os lugares que parou, as confusões que se meteu. O livro tem 319 páginas de pura vadiagem. O jeito que ele descreve as situações, nos transporta para o lugar onde estão e acaba nos colocando no meio do caos que ele se encontra. Com o livro, percebemos que Jack viveu uma vida de extremos, que provavelmente tenha sido um dos motivos de sua morte precoce. Não, no livro ele não morre, relaxem. 

Mesmo com a narrativa agitada e toda a loucura que é descrita no livro, mesmo querendo, muitas vezes, fazer parte das bagunças que eles faziam, o livro foi perdendo a força nas suas partes finais. Nós vemos diversos personagens amadurecendo, seguindo suas vidas e percebemos que o protagonista, Sal, ficou parado no tempo, o que me decepcionou um pouco, além de eu ter achado que a história ficou repetitiva nessa reta final.



Só que, mesmo com essa "caída" no enredo, o livro é pra você se distrair e se divertir com a turma de Sal. Mesmo Sal sendo o protagonista, quem rouba a cena é Dean, que é um sujeito louco, que quer de todo jeito gozar a vida.


Bem, essa foi a resenha de hoje galera! Já conheciam esse livro? Alguém aí já leu? O que achou? Respondam aí nos comentários e não se esquece que dá pra comentar pela caixinha do Facebook hein!

Me encontre nas redes sociais
Compartilhar no Google Plus

Juliara Vasconcelos

Geek por hábito, nerd porque me chamam. Gosta de jogar, mas é noob, adora assistir filmes mas odeia filmes de dramalhão e tem medo dos de terror. Lê fantasia, ficção científica e terror, que é sua maior divergência. Não tem nenhuma saga preferida, porque ainda não leu Senhor do Anéis. (Isso mudará em breve)

    Comentários

14 pessoas já comentaram:

  1. Não conhecia esse livro, mas adorei sua resenha.
    Beijos

    http://beingasunshine.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado!
      Beijo e obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Clássico da geração beat!
    Parei na metade.
    Beijos Ju!
    4sphyxi4.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, mas parou por que?
      Volte a lê-lo!
      Beijo Jaque!

      Excluir
  3. Não conhecia o livro, o autor, nada. rs Então, foi uma boa dica.
    Apesar de o protagonista não ter amadurecido no decorrer da obra, acredito que ainda sim deve ser uma leitura interessante.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale muito a pena a leitura sim! Quando tiver uma oportunidade, procure esse livro!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  4. "Dean, que é um sujeito louco, que quer de todo jeito gozar a vida." Ele é um Winchester? hehehe!
    Essa história parece ser emocionante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez um primo perdido com o mesmo nome hahahaha
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  5. Então, eu vi o filme no cinema e fiquei bem decepcionada, porque esperava algo inspirador e tal e só tinha drogas e vadiagem ashduaisda. Mas um casal de velhinhos no cinema também saiu chateados e ouvi a mulher dizer que 'nem se compara ao livro'. Como sei que esse livro marcou uma geração, tenho muita curiosidade em lê-lo!

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, eu não fazia ideia de que esse livro tinha uma adaptação! Vou até procurar pra poder fazer uma comparação.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  6. Ainda não li mas sei que ele é considerado um clássico e pela sua resenha entendo o porquê, é aquele estilo bem americano de fazer loucuras antes de amadurecer. haha
    Tenho curiosidade em saber mais da historia. Sei que esse livro originou o filme, né? Você já viu?
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/achadosdamila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando tiver a oportunidade leia, ele é bem divertido e vale a pena viajar pelos EUA com os personagen. Pior que eu nem sabia do filme, sei nem se já assisti ou não, mas vou dar uma procurada nele com certeza!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  7. E eu que nem conhecia a história? =/ E ela é antiguinha hein?!
    Fiquei com medo de dar uma oportunidade da leitura e me decepcionar (como vc) no final rs, mas que eu fiquei curiosa, sim isso eu fiquei ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo com o final meio decepcionante a história vale muito a pena! Quando der, leia! Dá pra se divertir bem com a história!
      Obrigada pela visita!

      Excluir

Obrigada por ler e comentar!
Se comentar em anônimo, deixe seu nome!
Comentários ao estilo spam não serão aceitos, então só comente se realmente leu o post! Obrigada pela compreensão ♥