DC ou Marvel - Personagens #4


Olha quem finalmente trouxe a série de volta! Pois é galera, tem muita coisa a se falar sobre esses universos e eu vim fazer a 4ª parte dessa série.
Já falei de heróis, heroínas, vilões e finalmente, falarei das nossas queridas vilãs. Então chega de enrolação, afinal, já demorei muito tempo pra trazer esse post pra vocês.


Uma das vilãs mais queridas da DC Comics na verdade nasceu nas animações, pelas mãos de Bruce Timm e Paul Dini, em 1992, em Batman: a série animada. Antes de ser a vilã, ela era a psiquiatra Dr. Harleen Frances Quinzel, que trabalhava no Asilo Arkham, onde se apaixonou pelo Coringa e resolveu liberta-lo, se tornando a Arlequina.


O alter-ego de Felicia Hardy apareceu pela primeira vez em 1979, na HQ Amazing Spider Man #194, e foi criada por Marv Wolfman e Keith Pollard. Foi uma das namoradas do Homem Aranha após a morte de Gwen Stacy. Ela se tornou a Gata Negra por querer seguir os passos do pai, pois quando ele havia sumido, sua mãe mentiu contando que ele havia morrido, sendo que tempo depois, ela descobriu que ele era um dos ladrões do jóias mais procurados do mundo e estava preso.


A querida Hera foi criada em 1966 por Robert Kanigher e Sheldon Moldoff para a HQ Batman 181. Dra. Pamela Lillian Isley, sua verdadeira identidade, era uma botânica que acabou sendo envenenada por seu cúmplice durante um roubo, desenvolvendo assim, imunidade à venenos e poderes de controlar as plantas em todos os aspectos. 


A deusa asgardiana da morte foi criada em 1964 para a HQ Journey into mistery #102, por Stan Lee e Jack Kirby. A senhora de Hel e Niffleheim é uma das maiores inimigas de Thor. Segundo a lenda, ela é filha de Loki com a gigante Anguborda. Quando Hela atingiu a maioridade, Odin a nomeou deusa da morte. Ela já tentou expandir seu poder sobre os mortos que estão em Valhalla, mas entrou em conflito com Odin e Thor.


A nossa terceira sereia de Gotham (as outras duas são a Hera e a Arlequina) surgiu em 1940 na HQ Batman #1 e foi criada por Bill Finger e Bob Kane. Nossa querida Selina Kyle é órfã e uma exímia ladra, mas já teve caso com o morcegão. Nem sempre é vista como uma vilã, principalmente por, às vezes, ajudar o Batman.


Também conhecida como Viper, teve sua primeira aparição na HQ Capitão América #110, pelas mãos de Jim Steranko. Antes de se tornar a melhor lutadora em meio à várias órfãs de guerra que foram acolhidas pela Hidra, ela foi Ophelia Sarkissian, que teve que fugir após seus pais serem mortos por uma guerra política no leste europeu. Além de ser uma lutadora invejável, após um pacto, conseguiu os poderes de uma cobra.


Criada em 1943, tendo sua primeira aparição em Mulher Maravilha #6, foi criada por William Moulton Marston e H. G. Peter. Também conhecida com Cheetah, ela teve duas identidades, sendo a primeira Priscilla Rich, uma loira com problemas mentais, que em um ataque de ciúmes, se imaginou em pele de leopardo, vestiu-se desse jeito e foi atacar a Mulher Maravilha. A segunda identidade, Deborah Domaine, sobrinha de Priscilla, foi sequestrada por uma agente do Kobra, que fez uma lavagem cerebral nela e a transformou na nova Mulher Leopardo.


Tendo sua primeira aparição em Journey into mystery #103, em 1964, Amora, como ela também é conhecida, foi criada por Stan Lee e Jack Kirby. Essa poderosa feiticeira é uma das mais antigas inimigas de Thor. Especialista em utilizar o poder da sedução e controle mental, ela foi apaixonada por Thor, de quem "levou um fora" e com isso quis se vingar dele por diversas vezes.


Então é isso galera! Espero que tenham gostado desse post! Fiquem de olho que essa série não acabou por aqui. Tem muita coisa pra falar ainda! Não esqueçam de deixar aí nos comentários se querem que a série continue, se faltou alguém e tudo o mais. Ah, sei que alguém vai se questionar onde tá a Fênix ou a Mística, mas calma! Elas vão aparecer por aqui, fiquem despreocupados!


Me encontre nas redes sociais

Compartilhar no Google Plus

Juliara Vasconcelos

Geek por hábito, nerd porque me chamam. Gosta de jogar, mas é noob, adora assistir filmes mas odeia filmes de dramalhão e tem medo dos de terror. Lê fantasia, ficção científica e terror, que é sua maior divergência. Não tem nenhuma saga preferida, porque ainda não leu Senhor do Anéis. (Isso mudará em breve)

    Comentários

8 pessoas já comentaram:

  1. Com certeza quero que continue, adorei saber mais das vilãs. Achei interessante a Arlequina ter virado vilã por amor.
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/achadosdamila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado Mila! Vamos continuar sim, pode deixar!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Hidra!!!

    Pior que a gente fica em dúvida né? E acaba amando os dois universos hauhauhauhauhuauhau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Eu sou do time que gosto dos dois universos, mas quando é pra perturbar alguém, eu caio sempre pro lado da DC hahaha
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  3. Continueeee!!!
    Eu gosto dos dois universos mas a Hera é muito e_e Me cativa HISUHAUISH
    | A Bela, não a Fera |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, a Hera é diva, não adianta! Em breve tem mais post!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  4. Nesse quesito eu acho que a DC leva o prêmio, pois as heroínas da concorrente da Marvel são sensacionais! De resto, prefiro Marvel. Sim, existem coisa na DC que me agradam (Flash é um deles), mas Iron Man sempre baterá o Batman.

    Abraços!
    www.bravuraliterariablog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu costumo puxar uma sardinha pro lado da DC, mas tem coisas nos dois universos que eu gosto.
      Obrigada pela visita!

      Excluir

Obrigada por ler e comentar!
Se comentar em anônimo, deixe seu nome!
Comentários ao estilo spam não serão aceitos, então só comente se realmente leu o post! Obrigada pela compreensão ♥