Book 2 movie: Carrie, a Estranha


Faaala galera! Mais um book 2 movie para vocês!
É, eu sei que eu to demorando demais postar esse desafio para vocês, mas essa que vos fala é meio enrolada (lê-se preguiçosa) e acaba não conseguindo ler nos prazos certos. Maaas, esse não é o assunto do post, então vamos ao que interessa.

O book 2 movie dessa vez foi com Carrie, a Estranha, e dessa vez eu fiz um pouco diferente: assisti duas versões diferentes do filme, a de 1976 e a de 2013. Fiz isso pra ter uma noção de qual foi melhor adaptado, mesmo o de 2013 ter sido transportado pros dias atuais, mas ainda faltou a versão de 2002, que eu não acho que vai fazer tanta diferença, aliás, só iria estender mais a minha análise. 


(Vocês devem estar pensando: Por que cargas d'água essa menina colocou uma flor no livro pra tirar a foto? Simples, o Tommy dá um arranjo de flores para Carrie, aqueles que as minas usam no pulso no baile de formatura) 

Carrie, a Estranha, foi o primeiro livro de Stephen King, lançado em 1974, tendo a primeira adaptação lançada apenas 2 anos depois. O livro de King tem uma narrativa um pouco diferente do que eu estou acostumada a ler. Ele mistura a história de Carrie narrada em 3ª pessoa, com trechos do pensamento dela e trecho de livros que foram escritos, como se fossem análises feitas na época a respeito do caso White. Com essa rápida "análise", eu começo a análise dos filmes. A versão de 1976 é ambientada na mesma época em que o livro foi narrado, com isso, temos uma versão visualmente mais próxima ao livro, visto que a de 2013 foi trazida para a era atual, usando smartphones, filmagens, fotos digitais e tudo o mais. A versão de 1976 já começa com o evento que desperta os poderes de Carrie, que é quando ela está no vestiário e menstrua pela primeira vez e as meninas começam a zombar dela, jogando absorventes e tampões em Carrie, enquanto na mais recente, ele começa com a Margarette, mãe de Carrie, dando luz à ela, o que distancia do início do livro mas nos faz entender o que se passa com a mãe de Carrie Ambos os filmes tem muitas similaridades com o livro, mas, mesmo juntando os dois, eu não consigo ter a história do livro, que poderia sim ter sido adaptada em sua totalidade, visto que seria cinematograficamente mais significativo, principalmente na parte final do livro. 



Muitos diálogos foram fielmente transcritos do livro, principalmente nas cenas de Carrie e sua mãe, mas senti falta de certas cenas em um filme e acabaram sendo compensadas no outro e outras que não estavam presentes em nenhum dos dois. Uma das cenas que traduz bem isso é o momento que Sue Snell pede à Tommy Ross que leve Carrie ao baile. Na verdade é a cena que antecede isso. No livro eles tem um diálogo, mostrando que Sue se arrepende de ter participado da humilhação à Carrie, e eu senti falta dela no primeiro filme, que acabou sendo compensada no remake de 2013. Creio que as cenas que mais fizeram falta mesmo em ambos os filmes, foram as finais. A Carrie não se descontrola de primeira depois de jogarem o sangue nela. Ela não coloca apenas fogo no ginásio. Tem mais. Ele não faz apenas o carro com a Chris e o Billy capotar, tem mais. 


Dito isso tudo eu posso concluir que sim, o livro é melhor que os filmes. Os dois filmes são bons, o segundo consegue ser melhor mais por causa de acrescentarem mais coisas que tem a ver com o livro e também por ter mais sangue sabe? Mas ainda tinha coisa a ser explorada ali. Óbvio é que complicado fazer adaptações de livros, mas acho que ao invés deles acrescentarem coisas que não existem no livro, eles poderiam valorizar o que tem. Mas enfim, super indico o livro e indico também fazerem essa comparação. É um pouco ruim você ver que o filme perde algumas coisas que seriam essenciais e você ia adorar ver, mas vale bastante a pena fazer isso.

É isso galera, o que acharam da análise? Já fizeram com algum outro livro e filme? Já leram ou assistiram Carrie?



Me encontre nas redes sociais
Compartilhar no Google Plus

Juliara Vasconcelos

Geek por hábito, nerd porque me chamam. Gosta de jogar, mas é noob, adora assistir filmes mas odeia filmes de dramalhão e tem medo dos de terror. Lê fantasia, ficção científica e terror, que é sua maior divergência. Não tem nenhuma saga preferida, porque ainda não leu Senhor do Anéis. (Isso mudará em breve)

    Comentários

12 pessoas já comentaram:

  1. Ameeeeii <3 Amo a Carrie e quero muito os livros desses clássicos de terror <3 ALIÁS, a versão de 2002 é a minha preferida =/ kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é muito bom cara! Agora to com remorso de não ter assistido a versão de 2002 ç.ç Na verdade eu não queria ter uma overdose de Carrie hahaha

      Excluir
  2. Oieee! Li o livro e vi os dois filmes, e no fim: prefiro o filme novo e o livro eu dormir quase KHKFUDHKFUSHKFHSUKFK ele é legal e tals, mas não curti o ritmo!


    xx Carol | Espilotríssimo
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah cara, eu tendo a gostar mais dos livros, não adianta hahaha. Sem contar que no livro tem muito mais coisas que não foram exploradas no filme.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  3. Ju, Stephen King é tudo na minha vida haha ta até no meu perfil do blog.
    Ele é meu escritor preferido desde que eu era bem novinha! Meu pai que influenciou hahah O livro é muito bom, e pensando em filme, gosto muito mais da versão antiga.
    Achei essa carrie nova muito fofinha sabe? nao achei ela esquisitona hahaha
    beijos

    Follow Cíntia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem como falar que King é um dos meus favoritos, porque esse foi o único livro que eu li até hoje, mas tenho outro que tá na lista de leitura. Eu gostei muito da narrativa dele.
      E realmente, a Carrie da versão antiga é bem esquisitona, mas achei que a Chloe ficou bem no papel também, mesmo sendo fofa.
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  4. As pessoas acham um absurdo eu ainda não ter lido nem ter visto nenhum dos filmes da Carrie, mas carãn... Tô aguardando ~aquele momento~. Quando me formar, prometo ler e dar uma opinião concreta sobre isso, inclusive pra, provavelmente, meter o pau no remake HAHAHA
    :* besos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Relaxa, num é absurdo não! E pra ser sincera, eu não achei o remake tão ruim, ele muda a linha temporal da história mas não é nada que te incomodaria tanto.
      Espero que consiga assistir logo!
      Beijo e obrigada pela visita!

      Excluir
  5. não li o livro, eu só vi o filme antigo, mas sou fã da Chloe e pretendo ver esse novo, e tua resenha me deu mais vontade ainda de ver *_*

    Riscos e Rabiscos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista sim, vale muito a pena! Vale a pena também assistir o de 2002!
      Obrigada pela visita!

      Excluir
  6. Olha só que post legal! Eu nunca li o livro, mas assisti as 3 versões dos filmes, eu curto! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou!
      Ainda falta eu assistir a versão de 2002. E já que você gostou do filme, creio que vá gostar também do livro!
      Obrigada pela visita!

      Excluir

Obrigada por ler e comentar!
Se comentar em anônimo, deixe seu nome!
Comentários ao estilo spam não serão aceitos, então só comente se realmente leu o post! Obrigada pela compreensão ♥